Fotografia de casamentos

Decidir o serviço de fotografia e/ou video do seu casamento é uma das importantes tarefas do casal que está prestes a casar.

Encontrar os profissionais certos representa um compromisso entre experiência, estilo, criatividade e orçamento disponível para o dia do enlace. Para tal é desejável iniciar a prospeção com bastante antecedência, pois a agenda de marcações começa com mais de um ano de antecedência. Antes de solicitar a reunião faça o primeiro contacto via telefónica ou e-mail e solicite os packs de serviço disponíveis para a fotografia e video de casamento. Os packs ou pacotes de serviços de fotografia, video e álbum de casamento juntam vários serviços e são mais económicos para os noivos. Avalie os detalhes de cada um e alinhe-os com o seu orçamento. Inspecione o portfólio online com uma observação atenta. Converse com o seu par afim de encontrarem o consenso sobre as possibilidades mais interessantes. Deverão então procurar reunir com o(s) fotógrafo(s) selecionados para exporem claramente os vossos desejos em termos de reportagem de fotografia e video do dia do casamento bem como para conhecer trabalhos reais e o modus operandi do profissional e da sua equipa de trabalho. Estejam ativos na comunicação, pois mesmo quando é informada a disponibilidade para a data pretendida esta poderá ficar entretanto ocupada por outro casal de noivos que se antecipe.


A fotografia de casamento

A história do dia de casamento, documentada pelo fotógrafo de casamento, irá gerar fotos de tipo retrato, de paisagem, de moda, espontâneo, etc. Isto porque para contar uma história é fundamental centrar não só nos sujeitos, mas também no espaço e nas emoções e acontecimentos paralelos que possam interagir com os noivos e convidados do casamento.

A equipa de reportagem fotográfica é composta por dois fotógrafos (principal e auxiliar) e ao longo do dia são alternados múltiplos equipamentos e acessórios de fotografia com o intuito de adaptação ao local, à luz ou ao objetivo fotográfico pretendido. Nas minhas sessões recorro ao fotógrafo auxiliar para orientar planos fotográficos com controlo/ manipulação de luz artificial por flash ou para suportar reflectores ou difusores da luz natural do dia. Irá sempre parecer aparatoso, mas o resultado final é indiscutivelmente diferenciador e surpreendente. No toca ao equipamento e técnica também deverão conhecer as técnicas de cada profissional e o equipamento usado.

A fotografia de casamentos está em constante evolução. Embora se verifiquem ainda algumas técnicas e poses clichés, já chegamos ao ponto de se evitarem as tradicionais fotos de retrato com os convidados amigos e familiares, do tipo casal a casal. Não é um passo atrás, mas também não é um passo adiante. É uma opção legítima dos noivos. De forma a percepcionar o momento, num casamento com 200 convidados, estamos perante cerca de 70 a 100 casais ou famílias e amigos, onde a sessão de retrato, neste caso, poderá demorar de 40 a 60 minutos, dependendo da organização e proximidade dos convidados ao local. Nesta opção, é garantido que haverá um retrato para memória futura. Algo que muitos familiares ainda valorizam, pois muitos deles não dispõe de telemóveis nem acesso regular à internet para reviver os melhores momentos do dia em selfies. Uma alternativa, de forma a não dispensar na totalidade o momento de retrato, passa por fotografar grupos familiares maiores e grupos de amigos, reduzindo-se esta carga de tempo em menos de metade. Pelo menos os familiares diretos, como os pais, irmãos e avós deverão constar num retrato fotográfico individual com os noivos.


O estilo de fotografia para casamentos

Geralmente a reportagem em fotografia do casamento assume um estilo documental ou foto-jornalístico. Recentemente, e com intuito de obter imagens ainda mais criativas, muitos casais procuram resultados fotográficos que revelam conhecimento avançado de técnica e pós-produção de imagem, e que implementa um processo de edição ou mesmo manipulação sobre as fotografias captadas, obtendo-se imagens mais marcantes. Uma vez que no conceito do estilo fotográfico documental não se prevê a manipulação de imagem, e embora se continue a retratar a história e ritual do casamento, a classificação do estilo fotográfico mais frequentemente atribuída é simplesmente por Fotografia de Casamento (ou Wedding Photography do inglês). Pessoalmente, quando finalizo a seleção e edição das imagens finais, destaco algumas para desenvolver trabalhos mais conceptuais (de Fine Art Photography), aproveitando os trajes de casamento, locais e cenários envolventes durante a sessão de fotografia do dia de casamento com o intuito de extrair mensagens ainda mais poderosas.


A video-reportagem do casamento

A filmagem do casamento é assegurada por dois profissionais e acompanha, da mesma forma que os fotógrafos, todo o dia dos noivos, actuando em sintonia. Num ou outro momento poderá ser solicitada alguma pose ou ação por parte dos noivos com o objetivo de replicar algum plano de interesse e impacto especial para o trabalho final do filme de casamento e SDE (Same-day edit). O objetivo do video do dia de casamento, embora se foque na captura documental, poderá ser exponenciado durante a pós-produção para exprimir um estilo cinematográfico.


As fotografias mais importantes no casamento

As melhores fotografias são as mais genuínas. Ao longo do dia é essencial procurar captar espontaneamente expressões e acontecimentos desprevenidos. Eles vão marcar o fotógrafo do casamento e o momento. Os preparativos dos noivos representam o início do dia do casamento. Geralmente na casa do noivo, em primeiro, e de seguida na casa da noiva, acompanha-se desde o despertar até à partida para o local da celebração da cerimónia da Boda matrimonial. É importante aproveitar este momento para conseguir retratos, do rosto, expressões, detalhes e adereços do casamento, os primeiros sorrisos, beijos, lágrimas e abraços com os seus familiares diretos. É essencial prever a distância entre as residências dos noivos para planear um horário adequado a completar ambas as sessões. Na casa da noiva há alguns detalhes especiais. A maquilhagem é um momento de preparação importante porque permite captar muitos detalhes da beleza da noiva de forma calma, ainda que haja alguma ansiedade patente, que é normal. Nesse momento também iremos encontrar o vestido da noiva disponível para ser contemplado e devidamente captado pela equipa de reportagem. As alianças de casamento e as meninas das alianças também já estarão no local, a assistir ou em preparação, sendo o momento de os capturar de forma isolada. O ramo da noiva também já estará preparado para o dia e por isso faz-se a sua fotografia. Outros acontecimentos nas suas casas poderão naturalmente ficar registados.

Tanto na casa do noivo como da noiva, quando já vestidos, é habitual realizar alguns retratos mais intimistas, com os seus familiares próximos, como os pais, irmãos, avós ou outros presentes. Vão notar que estes olhares são especiais e emocionais. Na chegada à casa da noiva, é comum fotografar a noiva ainda em robe com as suas damas de honor. Em Portugal as damas de honor são uma tradição de casamentos importada, já que é um costume comum do continente Americano e muito difundido pelo cinema Americano na Europa. Ainda assim, as damas de honor fornecem um especial toque de requinte e animação contribuindo ainda para produzir grandes imagens para o álbum do casamento.

Acontece também na casa dos noivos a recepção dos primeiros convidados, sejam familiares, amigos, vizinhos, muitos antecipam-se para felicitar os futuros marido e mulher e confraternizar em família à volta de uma mesa com alguns aperitivos e bebidas, também eles importantes para semearem a boa disposição para o dia do enlace.

Preparativos da noiva na maquilhagem

Maquilhagem da noiva

Preparativos do noivo

Preparativos do noivo à janela

Maquilhagem da noiva

Preparativos da noiva

Sessão com a noiva

Saída do noivo de casa

Menina das alianças

Após os preparativos do noivo

Após os preparativos da noiva


A chegada ao local da celebração da boda, mais propriamente a entrada do noivo e posteriormente a entrada da noiva é um verdadeiro cliché, mas quem vai querer perder esse acontecimento? O significado deste instante é puramente familiar, um misto de perda e esperança durante a entrega dos filhos para a etapa do seu casamento. Um lágrima, um suspiro, ou um olhar desviado na procura de manter a postura serena, são alvos fundamentais para o fotógrafo presente. A caminhada até ao altar ou à mesa de celebração que é cortejada por múltiplos olhares cúmplices e pensamentos desmedidos por entre os convidados presentes e observadores. A música escolhida que assiste o próximo passo e reforça a escolha. Todo o ambiente é poderoso em emoções fortes. E na hora da entrega da noiva pelo pai, também este desprenderá o seu ar mais emocional pois da fugaz sensação de perda nasce a confiança de que a entrega é o passo mais importante na sua vida. Este momento cumpre um protocolo, em linha com o ritual de celebração do casamento. Os convidados entram em primeiro lugar sentam-se no lado da igreja que lhes corresponde. Em seguida, o noivo e a mãe, de braço dado dirigem-se ao altar, e fica o noivo de pé à espera da noiva. Depois entram as damas de honor, as madrinhas e padrinhos. Entram as crianças que prepara o caminho da noiva com pétalas e as que levam as alianças de casamento. Por fim entra a tão esperada noiva pelo braço do seu pai (ou de quem tenha escolhido). A noiva vai do lado direito e o pai do lado esquerdo, sendo que a noiva segurará o ramo com a mão direita. No altar a noiva ficará naturalmente do lado esquerdo do noivo, mantendo a posição durante toda a cerimónia de casamento.

A troca das alianças e o primeiro beijo cumprem o ritual religioso, também ele replicado na cerimónia civil pública aquando do aguardado “Sim”, e dos votos para a vida toda; não dispensam um clique certeiro. Agora que são um do outro, sob um caloroso aplauso, se deixam invadir pela profundidade do momento de felicidade e de compromisso para as suas vidas.

A saída dos noivos, que sucede logo após a as assinaturas, de mãos dadas, marcam a celebração pelo primeiro grande momento de euforia do dia, pela chuva de arroz, de pétalas ou bolas de sabão à porta da igreja ou do local escolhido, que inevitavelmente merece um registo digno.

Partida para a boda

Saída dos noivos para o banquete

Chegada da noiva

Entrada da noiva

Encontro da noiva com o noivo no altar

Celebração do casamento

Saída da igreja

Chuva de arroz na saída da igreja

As alianças após casamento

Dança dos noivos à saída da igreja

Entrada dos noivos na sala

Dança dos noivos

Desfile até ao corte-do-bolo


No local do banquete irão proporcionar-se os momentos mais animados do dia, a alegria e espírito de diversão crescem à medida que a felicidade dos recém-casados vai contagiando os convidados, os sorrisos, os abraços e os votos de confiança partilhados alimentam a esperança e estimulam o espírito de celebração. Aqui é importante circundar subtilmente os noivos para registar este momentos em fotografia. A sessão de retrato dos noivos e convidados será realizada na quinta em local apropriado e escolhido pela equipa de fotografia, logo após os aperitivos servidos. Mediante os convidados presentes esta pode demorar 30 a 90 minutos. Os convidados que desejarem posarem para uma foto de casal mais romântica também podem aproveitar este momento e pedir aquele clique. Nos meus eventos está disponível uma exposição de fotografia impressa após o corte-do-bolo onde poderão ver e adquirir fotos do dia de casamento. Os pormenores decorativos da Quinta ou local destinado ao banquete deverão ser captados ainda intocáveis. Arranjos florais, lembranças, o bolo de casamento, a organização das mesas, elementos temáticos, entre outros deverão ficar fotografados antes de serem tocados. 

Ainda durante a luz do dia, próximos da golden hour, os recém-casados marido e mulher, são convidados a um passeio a dois pelo local exterior afim de fotografar algumas imagens do amor e lealdade que os une. Nesta sessão, de 15 a 20 minutos, irei conduzir o casal por entre conversas e gargalhadas que vão extrair expressões memoráveis, e poderei propor ainda algumas poses afim de criar aquela foto fantástica para a moldura a pendurar na nova casa ou para a tela do desktop ou telemóvel. 

A primeira dança ou abertura do baile é propícia para momentos de arte, geralmente encenados, muito divertidos e apaixonados. Imperdível. 

O corte-do-bolo e brinde é mais um cliché, com especial significado, já que o ato de entrelaçar os braços representam um momento de partilha amoroso e digno de ser captado pelo fotógrafo e restante equipa. Os momentos imperdíveis, terminam com a noiva a atirar o bouquet (ramo da noiva), mais um gesto clássico, mas simbólico.

Using Format